Loja Virtual Loja Virtual

Frete grátis para Maceió/AL | Entregamos em todo o Brasil
[Sertão e Cangaço]

Sertão e Cangaço

O cordelista Genivaldo Vieira da Silva – Geno – dedica sua poesia à saga do cangaço nordestino da época de Lampião. Além de discutir sobre o famoso anti-herói sertanejo, Geno também faz versos sobre o principal drama da região: a seca.

Código: 0154

Estoque: 048 unidades

Marca: Imprensa Oficial Graciliano Ramos

Categoria(s): Pensar Alagoas

Autor(es): Geno

Gênero(s): Poesia, Cordel

Idioma(s): Português

Parceiro(s): Secult

☆☆☆☆☆ - 00 avaliações

R$ 15,00

Em até 3x de R$ 5,30

Descrição completa do produto: Sertão e Cangaço

O cordelista Genivaldo  Vieira da Silva – Geno – dedica sua poesia à saga do cangaço nordestino da época de Lampião. Além de discutir sobre o famoso anti-herói sertanejo, Geno também faz versos sobre o principal drama da região: a seca.

 

 

Comentários 0

Confira as opniões e avaliações dos clientes sobre: Sertão e Cangaço.

Ainda não há comentários para este título. Seja o primeiro a comentar!

Deixe o seu!

O que você achou deste título?

Produtos mais vistos

Silvana a Baleia Beluga

Silvana a Baleia Beluga

Silvana é sobre superação de medos e até limitações físicas na busca pela felicidade e realização de sonhos.

Madá e o jegue cantador

Madá e o jegue cantador

A obra traz a história da pequena Madá, uma criança curiosa, inteligente e traquina que vivia perguntando o porquê de tudo.

Ninho de Cobras

Ninho de Cobras

Um dos maiores clássicos do romance em língua portuguesa ganhou nova edição.

A menina de barro

A menina de barro

O livro conta a história de uma família que morava às margens do rio Mundaú, no interior de Alagoas, e vivia a partir da criação de objetos feitos de barro colhido na beira do rio.

A Fábrica de Bonecos de Olinda e Outras Histórias

A Fábrica de Bonecos de Olinda e Outras Histórias

Humor arriscado a partir de uma fina ironia é o que compõe estes contos tortos a partir dos quais nasce o livro como um só.

Marília de Dirceu

Marília de Dirceu

Obra considerada a mais importante do poeta português e publicada em 1792, em Lisboa, refere-se ao amor do autor pela brasileira Maria Dorotéa. Os poemas são bucólicos e marcados pelo retorno à limpeza de linguagem e à simplicidade dos ideais.

Estrela Raivosa

Estrela Raivosa

Livro em homenagem ao Hino de Alagoas, narra a busca pelo autoconhecimento empreendida por sua personagem principal, a Estrela Raivosa, que cruza galáxias querendo encontrar sua verdadeira vocação.